---


Associação Cultural e Espaço de Intervenção Social
Saco de Gatos vai encerrar no dia 31 de Março de 2019 porque:

  • 1° A senhoria, ao fim de 12 anos, comunicou por carta que não quer renovar o contrato de arrendamento (posteriores contactos foram em termos incomportáveis);
  • 2° A Associação entende que não faz sentido existir noutro espaço e que o fim deste (Gato Vadio) será o fim da mesma;
  • 3° A Câmara Municipal não tem uma política séria e activa de protecção dos habitantes, das associações e de outros actores da cidade que querem viver no centro - entre os turistas.

07 a 10 de Junho | CineWest | JoãoUrbano | VírgilioMelo | SaguãoBordo

Nas quintas de Junho, Gato Vadio apresenta... 
CineWest,
sempre pelas 21:30h, sempre com entrada livre!
 Quinta 07 de Junho, 21:30h 
A Fúria das Armas 
(1953) 
Gun Fury  1h 23min
Director: Raoul Walsh

Um veterano da Guerra Civil, cansado de ver sangue derramado, ruma a Oeste com a sua noiva para reconstruir a sua vida.
Porém, o seu comportamento pacifico é posto à prova quando um fora-da-lei e o seu gang raptam a sua futura esposa.... 

 Sexta 08 de Junho, 21:30h  
Apresentação por Jorge Leandro Rosa

O Caso Salvaterra
de João Urbano, Compª das Ilhas

O novo romance de João Urbano renegou as metafísicas da literatura mas foi cosido com os farrapos de todas, sejam elas a autoria, o estilo, a arte ou mesmo o amor. É o único outlet do prestígio, do bem e do belo. Não tem paragem de autocarro à porta. - (Jorge Leandro Rosa)
 

Excerto do livro:
Volto à exposição, ao meu amigo que me espera. Só que aquele mundo, o mundo por onde transita o meu amigo, o mundo da arte, não me interessa para nada e se algum dia me repugnou deixou de me repugnar. Apenas o frequento porque me atrai o aspecto mortuário da arte. Brinco. Ainda o frequento porque existe o Salvaterra e o sigo mesmo ao longe. Salvaterra ainda me faz reparar na arte. Que existem artistas e coisas de artistas. De outro modo não dedicaria um minuto do meu tempo a tal assunto. O capítulo arte, no fundo, encerrou- se para mim. Não deixa de ser um acto perverso visitar ainda certas exposições de arte quando tudo aquilo está morto, para sempre morto.

 Sábado 09 de Junho, 17:00h  
Virgílio Melo regressa cedo para nos apresentar
Johannes Brahms nas suas audições comentadas

 Domingo 10 de Junho, 17:00 - 20:00h 

Assembleia Geral para aprovação
do Relatório de Actividades e Contas de 2017

exclusivo a sócios

Sem comentários:

Enviar um comentário