---


Associação Cultural e Espaço de Intervenção Social
Saco de Gatos vai encerrar no dia 31 de Março de 2019 porque:

  • 1° A senhoria, ao fim de 12 anos, comunicou por carta que não quer renovar o contrato de arrendamento (posteriores contactos foram em termos incomportáveis);
  • 2° A Associação entende que não faz sentido existir noutro espaço e que o fim deste (Gato Vadio) será o fim da mesma;
  • 3° A Câmara Municipal não tem uma política séria e activa de protecção dos habitantes, das associações e de outros actores da cidade que querem viver no centro - entre os turistas.

Na Livraria... B E S T I Á R I O

Na Livraria...
  B E S T I Á R I O  
Bestiário é e não é uma revista.
O primeiro número anda em torno do Nojo - isto é, também do abjecto, do grotesco, do pestilento, do repulsivo, do informe, do luto.
Todos os meios de expressão que caibam na folha de papel são abarcados: poesia, ensaio, conto, fotografia, banda desenhada, desenho, ilustração, coisas a meio disso.
Nele convergem diferentes tipos de discurso sobre o real: teoria política, música, filosofia, literatura, artes plásticas, cinema.

Autores no primeiro Bestiário:
Luís Henriques / Alexandre Andrade / Joao Varela / Paulo Lima / Nunes da Rocha /
Zoe Näf / João Vicente / João Sousa / Ricardo Castro / DV / Sean Bonney /
António Cândido Franco / Beatruz Bagilho / António Albata / Ana Matilde Sousa /
João David Fernandes / Lais Pereira / André Tavares Marçal / Rui Baião / Joana Bicacro / Hetamoé / Raquel Nobre Guerra / Nuno Mangas Viegas / António Baião / Sara Franco / Catarina Real / Ana Mendes / Pedro Serpa

Sem comentários:

Enviar um comentário