26 fev a 3 mar, Fechar Fevereiro para iniciar Março com cheiro a Soda Caústica

4ª feira

26 de fevereiro

21:30h

 

“Encontro do Photobook Club Porto”


Esta sessão, de alguma forma, afasta-se do padrão do PBC, pois vai ser dedicada a uma revista e não a um livro. Os responsáveis da SHOOTER propuseram estar numa das nossas sessões para apresentarem o projecto.

Pode ser uma boa oportunidade para se discutir quais as mudanças (perigos?) que a chama fotografia móvel pode trazer consigo para o futuro (presente?) da fotografia.

SHOOTER MAG "The World’s First PhotoMobile Magazine"
http://shootermag.wordpress.com/

"SHOOTER é uma publicação que destaca fotógrafos "mobile" de todo do mundo, apresentando o respectivo trabalho impresso em formato de revista, com 4 edições por ano. O primeiro ano de edição é constituído por 4 revistas, 900 páginas, 60 artistas, onde está feita uma selecção de mais de 2000 fotos."

5ª feira

27 de fevereiro


21:30h 


D.Flagra apresenta Curtas TV


Sessão de Curtas, Anúncios publicitários, Videoclips e Animações
Duração: +- 1h






 

sexta

28 de Fevereiro 

21:30

 

Conversas sobre vegetarianismo













 

sábado

1 de março

17:00h


prossegue o 3.º Ciclo de Leituras do Gato Vadio, com uma sessão dedicada a Raul Brandão e a uma das suas obras menos conhecidas: "O Vale de Josafat", que corresponde ao terceiro volume das suas Memórias. Com Rui Manuel Amaral e Beatriz Hierro Lopes.
A imagem da sessão é de Luís Nobre, da dupla Lina E Nando.


" 3.º Ciclo de Leituras do Gato Vadio"










 

sábado

1 de março

19:00h

 

A Apócrifa

 

- Revista Literária vai apresentar-se com a chancela da Livraria Poetria.   



Haverá leituras de poemas e textos próprios e alheios bem como musica e performances. Esperemos que tragam também as vossas leituras em dia para que possamos concluir o dia com uma agradável tertúlia pautada por uma partilha literária.

À disposição de todos os interessados teremos exemplares gratuitos desta 1ª edição da Revista.







 

domingo

3 de março

 

Prosseguem os encontros do grupo EcoSol Porto




















 

 









 







 

 

Ainda a Fenda Edições, agora a preto, vermelho e branco...




O Meu Último Suspiro Autores: Buñuel, Luis

Editor: Fenda Edições
Local: Lisboa
Ano: 2006













Eu Falar Bonito Um Dia

Autores: Sedaris, David
Editor: Fenda Edições
Local: Lisboa
Ano: 2007














Elogio da Sinceridade

Autores: Montesquieu
Editor: Fenda Edições
Local: Lisboa
Ano: 2005




























12 a 16 fev, Bakunine, Curtas TV, “Febrero. El miedo de los galgos”, "Um Estalo na Modorra", Desvios do diário e Prensa Libertária

4ª feira

19 de fevereiro

21:30h


“conversas para a acção … às quartas no Gato Vadio”


segunda  conversa: Mikahil Bakunine

Passam, este ano, 200 anos que Mikahil Bakunine nasceu.
Anarquista, internacionalista, libertário, federalista, agitador, a vida de Bakunine é uma referência para todas e todos que, nos dias de hoje, lutam por um Mundo livre, sem amos, sem Estados, sem fronteiras!

5ª feira

20 de fevereiro


21:30h 


D.Flagra apresenta Curtas TV


Sessão de Curtas, Anúncios publicitários, Videoclips e Animações
Duração: +- 1h



sexta

21 de Fevereiro 

17:00h -24:00h

 

Projecção do Documentário

“Febrero. El miedo de los galgos”


(Fevereiro. O medo dos galgos)
realizadora Irene Blanquez
>> não aconselhado a menores de 12 anos ou pessoas sensíveis

 * * *  Entrada livre mas... se puderes... * * * 


traz produtos para a "Associação Projecto Animais de Barcelos". Produtos prioritários são: ração seca de cão bebé, lixívia com detergente, trelas, coleiras e biscoitos para treino." * * * * * * *

Este documentário – premiado e com uma excelente recepção por parte da cidadania da Catalunha, Pais Basco, Madrid, Estremadura, Andaluzia, entre outras comunidades autónomas de Espanha – relata a triste realidade que uma das raças caninas mais antigas e bem consideradas ao longo da História, o galgo espanhol, vive actualmente.



sábado

22 de Fevereiro 

17:00h


O poeta Fernando Morais vai organizar uma sessão de Poesia no Gato Vadio com alguns amigos para, todos em conjunto, lerem os poemas do seu livro

"Um Estalo na Modorra"


num dia especial como o dia do seu aniversário.








sábado

22 de Fevereiro 

21:30h

 

Concerto/Vídeo performance de

Goran Titol


precedido da inauguração de:

Desvios do diário


(desenhos de André Ferreira em exibição até final mês de Fevereiro)







domingo

23 de Fevereiro 

 


No próximo mês de Agosto, de 14 a 17, irá realizar-se a sétima edição do Encuentro del Libro Anarquista de Salamanca.
Para fazer a sua divulgação, alguns dos organizadores vão estar no Porto para falar desse encontro e para apresentarem o DVD


“Recopilación de prensa historica libertaria digitalizada”
(4 volumes),


como meio de potenciar o conhecimento da cultura libertária desde finais do séc. XIX e cuja venda vai ajudar a cobrir os custos do Encuentro.



Depois das apresentações, pelas 17h

o cantautor Buterflai

irá ligar a sua voz aos acordes da guitarra acústica e fazer estremecer o tecto do Gato Vadio~










Fenda edições nas nossas estantes

Definição da Arte Política

Autores:
Vidal, Carlos
Editor: Fenda Edições
Local: Lisboa
Ano: 1997
Língua: Português
 




 

Democracia e Livre Iniciativa, Política, Arte e Estética

Autores:
Vidal, Carlos
Editor: Fenda Edições
Local: Lisboa
Ano: 1996
Língua: Português


12 a 16 fev, Emma Goldman , Curtas TV, "The infidel" e esplanada

4ª feira

12 de fevereiro

21:30h

 

“conversas para a acção … às quartas no Gato Vadio”


 EMMA GOLDMAN: a primeira conversa!

5ª feira

13 de fevereiro


21:30h 


D.Flagra apresenta Curtas TV


Sessão de Curtas, Anúncios publicitários, Videoclips e Animações
Duração: +- 1h



 

sexta

14 de Fevereiro 

17:00h -24:00h

 

 

 

Um bom espaço para boas conversas com boas bebidas quentes ou que aquecem






 

sábado

15 de Fevereiro 

17:30h



 

Projecção de

"The infidel",

UK 2010



Duração 105 minutos.realizador: Josh Appignanesi, escrito por: David Baddiel 

Seguido de debate sobre diversidade, racismo, islamofobia.







 

domingo

16 de Fevereiro 

 

 

previsão de dia sem chuva, as cadeiras regressam à esplanada 










Orfeu Negro na nossa montra:


O Espectador Emancipado
JACQUES RANCIÈRE

O Espectador Emancipado reúne algumas das conferências proferidas por Jacques Rancière em universidades, museus e outros centros de arte entre 2004 e 2008. Elogio do espectáculo, no qual se incita o espectador a afirmar a sua capacidade de ver e analisar o que vê, este volume de ensaios contraria uma das mais antigas premissas da estética – a de que aquele que vê não sabe ver – para oferecer ao receptor um papel activo na compreensão da arte. Uma vez mais, a política e a arte em constante diálogo, sem jamais se confundirem.







Béla Tarr
JACQUES RANCIÈRE

Em BÉLA TARR, O TEMPO DO DEPOIS, a reflexão do filósofo cinéfilo Jacques Rancière vai ao encontro da cinematografia de Béla Tarr, contemplando filmes já editados em Portugal, como O Cavalo de Turim, O Tango de Satanás, As Harmonias de Werckmeister e Danação. As obras de Béla Tarr acompanharam a falência da promessa comunista, mas surgem retratadas fora desse tempo, fora da temporalidade uniforme e soturna daqueles que já não crêem em nada. O tempo do depois é aquele em que nos interessamos menos pelas histórias, pelos seus êxitos e fracassos, do que pela malha sensível do tempo, na qual elas são talhadas.







Os Intervalos do Cinema
JACQUES RANCIÈRE

Em OS INTERVALOS DO CINEMA , Jacques Rancière reflecte sobre a posição teórica e política do amador da sétima arte, definindo o cinema como um sis­tema de intervalos no qual a pai­xão cinéfila confundiu as frontei­ras da arte e do entretenimento.
Neste conjunto de textos, Rancière analisa a obra de realizadores como Hitchcock, Rossellini, Pedro Costa, Dziga Vertov, Peter Straub e Vincente Minnelli.










O Destino das Imagens
JACQUES RANCIÈRE

O DESTINO DAS IMAGENS reúne dois artigos e três conferências proferidas por Jacques Rancière, entre 1999 e 2002, no Centro Nacional de Fotografia, em Paris, e na Academia de Belas-Artes de Viena. Partindo das filmografias de Bresson e de Godard, e das reflexões estéticas de Deleuze, Adorno e Lyotard, o autor questiona, neste conjunto de textos, o estatuto da imagem na arte contemporânea.

5 a 9 fev, “conversas para a acção , Curtas TV, Jornadas Independentistas

4ª feira

5 de fevereiro

21:30h

 

“conversas para a acção … às quartas no Gato Vadio”

5ª feira

6 de fevereiro


21:30h 


D.Flagra apresenta Curtas TV


Sessão de Curtas, Anúncios publicitários, Videoclips e Animações
Duração: +- 1h



 

sexta/sábado e domingo

7, 8 e 9 de Fevereiro 


Jornadas Independentistas


Numa altura em que no estado espanhol se discute acesamente as questões sobre as independências, torna-se importante também conhecê-las melhor por cá. Esse é o nosso convite.
Desde a Catalunha, vem um companheiro da CUP Candidatura de Unidade Popular. Discutiremos o processo que parece querer finalmente levar este país para o caminho da autodeterminação.
Do País Basco, a esquerda abertzale estará representada pelo Sortu, desde onde falaremos da repressão, dispersão de pres@s, ETA e da actualidade do processo político. Também estará o Rui Pereira, jornalista com bastantes obras sobre este processo.
Finamente, da Galiza conheceremos também as lutas sindicais e a situação d@s pres@s políticas.

Umas jornadas a não perder, com direito muita discussão interessante, janta e fiesta!!

Evento Facebook


 


A frenesi também nas nossas estantes:

A Roda da Fortuna –
 Metodologia dos Cultos 

ASGER JORN


trad. de Helder Moura Pereira

.

Subsídio, Suicídio, 
Ostras Geladas
 [ANÓNIMO]



ilustrado, capa de Inez B.; 136 págs.











Banalidades de Base

RAOUL VANEIGEM



trad. revista de Celeste Viriato / 
Paulo da Costa Domingos
pref. Júlio Henriques

capa de pcd; 3.ª ed.; 64 págs.