25 a 28 de Maio > CineSuspens | MiguelManso | VirgílioMelo | GonçAlvesCunha

Nas quintas de Maio relembramos
o
 mestre do suspense, 
Alfred Hitchkock.
 Quinta 25 de Maio, 21:30h 

O Terceiro Tiro
(The Trouble with Harry) / 1955 / 1h39m
O problema com Harry é que ele está morto, e todos parecem ter uma ideia diferente do que precisa ser feito com seu corpo ...

 Sexta 26 de Maio, 21:30h 

Prossegue o segundo ciclo de  
 hoje sem musa  

sessões sobre Poesia com Inês Cardoso,
este mês com Sofia Mota Freitas à volta da poesia de Miguel-Manso

 Sábado 27 de Maio, 17:00h 

Audições Comentadas por Virgílio Melo:
 a subtil arte da orquestração 

 Sábado 27 de Maio, 21:30h 

Apresentação
O Homem que preferiu não sentir
o primeiro romance do jovem autor Gonçalo Alves da Cunha

SINOPSE
O Homem que preferiu não sentir retrata o percurso existencial do jovem pintor Sebastião que, numa autoanálise constante, evoca as memórias do menino feito homem, dotado de um excesso de sensibilidade materializada em todas as particularidades da sua essência.
Inserido na categoria de romance existencial, O Homem que preferiu não sentir conduz-nos numa viagem ao interior de nós mesmos, onde não faltam o confronto com a inevitabilidade da morte, as reflexões sobre famílias que se desestruturam e reestruturam ou as dúvidas que questionam os dogmas religiosos. A arte e a sua finalidade, a reescrita irónica de páginas da História e sobretudo as vivências de uma geração qualificada, mas desajustada à mediocridade da sociedade que os sistemas políticos teimam em perpetuar, brotam em páginas vivas de verdadeira prosa poética. É a afirmação da individualidade contra a subserviência de quem segue estandartes com sebastianismos imorredouros e por isso nos exige uma redescoberta de nós mesmos.

18 a 21 de Maio > CineSuspens | Som&Imagem | EcoAldeia | JulioHenriques

Nas quintas de Maio relembramos
o
 mestre do suspense, 
Alfred Hitchkock.
 Quinta 18 de Maio, 21:30h 

Mentira
(Shadow of a Doubt) / 1943 / 1h48m
Uma jovem mulher descobre que o tio Charlie que visita a família pode não ser o homem por quem se faz passar...

 Sexta 19 de Maio, 21:30
Francisco Aguiar apresenta som e imagem...
Juntam-se as vozes das esquecidas, das conhecidas, das graves e das alegres.
Sons e criações brilhantes delas que dão a volta ao globo numa noite sincera e incandescente. Com especial incidência no jazz e nas suas ramificações, este set vai contar também com projeções de vídeo e fotografia experimentais de artistas emergentes. É ver e ouvir.

 Sábado 20 de Maio, 17:30h
Palestra de apresentação da 
Ecoaldea Vegetariana Espiral
em Cabeceiras de Basto
por Xenia e Atzar, cofundadores da Ecoaldeia.

 Domingo 21 de Maio, 18:00h 
Regresso desejado de Júlio Henriques, 
conversa em torno do nr 4 da Flauta de Luz
(contém URRO, texto integral, de Júlio do Carmo Gomes)
 e Alucinar o Estrume em jeito de apresentação.

Na nossa Livraria, Textos Îgneos e Movimento Uma Vida com a Arte


 dois livros de Textos Îgneos,
de Pedro García Olivo,
com trad. de Pedro Morais:

O Educador Mercenário, 2017
O Irresponsável, 2016

 

 o livro de Carla Carvalho
editado pelo Movimento Uma Vida com a Arte

com posfácio de Gaspar Rodrigues,
provedor da Santa Casa da Misericórdia de Oliveira de Azeméis (1988 a 2001)