20 a 22 de Julho / O quadro negro(F)+Ser e ter(D)+ A guerra dos botões (F)


 Sexta, 20 de Julho, 22:00 h


Filme: "Takthé Siah" (O quadro negro)

Samira Makhmalbaf (Irão/2000)

Três profesores iranianos se reunem na fronteira do Irão com o Iraque numa inusitada Jornada diária.
Com um quadro negro ás costas, percorrem as aldeias pra reunir as crianças e ensiná-las a ler e a escrever.



Sábado, 21 de Julho, 22:00 h 

Doc: "Être et avoir" (Ser e ter)

Nicolas Philibert (França/2002)

Na pequena cidade de Auvergne, o professor George Lopez, 55, segue um método de ensino antigo e considerado em desuso: ele acompanha 13 crianças, do pré-escolar até o ensino fundamental. Em uma única sala, ele dá conta dos seus alunos com idades entre 3 e 11 anos. Lopez separa as lições conforme a faixa etária, dividindo a turma em três grupos. O professor acompanha individualmente cada aluno, seja em matérias de francês, matemática ou pintura. Munido de 35 anos de profissão, Lopez mantém uma desenvoltura natural diante da câmera e, mais ainda, no trato com as crianças, entre o rigor e a delicadeza de sua fala. Não levanta o tom de voz, mas fala diretamente, sem subterfúgios. Pela postura sincera, conquista o respeito e a confiança dos alunos.






Domingo, 22 de Julho, 18:30 h

Filme: "La guerre des boutons" (A guerra dos botões)

Yves Robert   (França/1962)

1960, em uma aldeia no sul da França. Um grupo de meninos, com idades entre 7 a 14 anos, é liderado por Lebrac (Vincent Bres) numa guerra contra as crianças da aldeia vizinha. Trata-se de uma batalha tradicional, realizada há gerações pelos jovens das duas aldeias. Eles lutam pela honra e lealdade, mas utilizam-se dos meios necessários para vencer. O exército de pequenos homens tenta de todas as formas não ser percebido por pais e mães, o que é complicado quando voltam para casa com as roupas rasgadas e sem botões. 



 


Horario de Verão:A partir do dia 15 de Julho ate o dia 15 de Setembro:
De 
Quarta a Domingo das 19:00 h as 24:00 h...





Sem comentários:

Enviar um comentário