"O Evangelho Segundo o Precário" + Leitura de histórias de Daniil Harms

 

"Sejamos preguiçosos em tudo, excepto em amar e em beber, excepto em sermos preguiçosos"

                                     Lessing

 

De todos os direitos humanos ainda por inscrever na famosa Carta, a preguiça é certamente um dos mais vulgarmente desprezados e esquecidos. A exaltação do amor pelo trabalho, do desejo destrutivo pelo labor, continua a torturar esta infeliz humanidade, extenuando sem apelo nem agravo as forças vitais de gerações e gerações.Numa altura em que a palavra de ordem da Ordem estabelecida é (outra vez, que estafa...) "Trabalho, trabalho, trabalho!", a Saco de Gatos convida-o a esticar-se ao comprido, enroscar-se na chávena de chá porque o frio já aí está, e a calmamente digerir connosco tudo o que se tem passado ultimamente. É que se adivinham dias bastante ocupados, ou pelo menos com muitas Ocupações, e a preguiça também serve para isso mesmo, para inspirar e ganhar balanço...Nesse espírito, a programação desta semana é totalmente assegurada por propostas de colectivos exteriores à associação Saco de Gatos e que, aproveitamos para dizer, temos todo o gosto em tornar possíveis.

Que esta seja a primeira de muitas vezes! (e só para o caso de não termos sido suficientemente explícitos: estamos abertos a propostas de actividades, por isso, venham elas)

 

Quarta-feira, dia 2 às 22h

Colectivo F.e.r.v.e., Fartos destes Recibos Verdes, apresenta:

O evangelho Segundo o Precário - Filme de Stefano Obino

Este um filme muito especial, não só pelo tema escolhido, como também pela forma como foi financiado. Retrata quatro histórias cruzadas de pessoas que têm vidas precárias, relações de trabalho angustiantes, que são maltratadas por chefes prepotentes. Algumas reagem, outras adaptam-se.

 

Sábado, dia 5 às 17h

Miguel Gouveia (editora Bruáa) e Rui Manuel Amaral lêem histórias de Daniil Harms:

Daniil Harms (1905-1942) pertence à última geração dos grandes vanguardistas russos que ainda ousaram exprimir-se com liberdade e ironia. É um dos mais originais representantes das novas perspectivas literárias que influenciaram a Rússia e o mundo desde o final do século XIX até ao final do primeiro terço do século XX.

Veja um trailer aqui:

http://www.youtube.com/watch?v=A8IP7bbew98

 

 

Sem comentários:

Enviar um comentário